Vitor Toffanelli lutará com Masaaki Noiri no K-1 World GP, em Fukuoka, Japão. ( Cortesia | Créditos : ( C ) Emilio Y. Inafuku | ( C ) HOOSTCUP.COM | ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) M-1 Mídia Esportiva | Divulgação ).

O próximo K-1 World GP será realizado no Japão em 3 de novembro de 2020 ( terça-feira / feriado ). O show terá lugar no Fukuoka Kokusai Center, em Fukuoka. Esse ‘card’ promovido pelo K-1 Japan Group será transmitido na TV japonesa “ao vivo” e pelo aplicativo Abema TV.

Entre as 14 lutas que compõem o evento, gostaríamos de destacar o duelo entre Vitor Toffanelli ( Brazilian Thai / Danilo Zanolini ) e Masaaki Noiri ( K-1 Gym Sagami-Ono KREST ).

Toffanelli, que participará do K-1 pela primeira vez, é um lutador nascido na cidade de Guararema, no estado de São Paulo, Brasil. Ele reside no Japão há dois anos e iniciou a sua prática nas artes marciais com o Karatê aos 9 anos de idade. Sua carreira na modalidade engloba os títulos de campeão estadual e nacional de Karatê. Na sequência ele se voltou para o MMA, competindo no seu país e no exterior em shows do porte do Battle Front Toshinkai, Fury FC, Ichigeki Fight Night, Max Fight, MARS, S-Battle, Brave FC, HEAT, Legend Japan, Pancrase e GLADIATOR, entre outros.

Paralelamente, ele também começou à competir no Kickboxing e, ainda no Brasil, sagrou-se campeão de um torneio denominado “FIGHT DRAGON”, mudando-se para o Japão logo em seguida e acumulando participações em promoções como Hoost Cup, HEAT, RISE e RISE on ABEMA. Tofanelli sempre sonhou em lutar no K-1 desde quando vivia no Brasil e agora irá realizar esse seu sonho.

Tofanelli está treinando atualmente com o lutador brasileiro Danilo Zanolini. Na prática pública, ele mostrou a sua técnica de chute favorita cultivada no Karatê enquanto fazia um trabalho de manoplas com o seu mestre Zanolini.

Após o treino, nossos correspondentes no Japão conversaram com Vítor.

 

–Por favor, diga-nos o que sentiu quando soube que iria participar do K-1.
“Sempre quis estar no K-1, então fiquei muito feliz quando a luta foi confirmada. Todos os amigos ao meu redor ficaram felizes.”

–Qual foi o motivo de sua vinda ao Japão?
“Meu sonho era lutar no ringue do K-1 e vim para o Japão com esse objetivo, então estou muito feliz que a luta foi confirmada desta vez.”

–Por que você achou o K-1 tão atraente entre vários esportes de luta?
“Assistindo às lutas do K-1 no Brasil pela TV, os lutadores estavam realmente brilhando, e vinham de todo o mundo. Foi uma fase de convivência, e eu também queria ir do Brasil para o Japão para lutar no K-1.”

–Você está treinando com o brasileiro Danilo Zanolini, que também compete no Japão, não é?
“Isso mesmo. Estou treinando muito, duas vezes por dia com o Sr. Danilo para esta luta. Com certeza quero aproveitar esta oportunidade.”

–Qual é a sua técnica favorita ?
“É a técnica e o espírito do samurai que cultivei no Karatê. Eu estou no ringue com os dois.”

–Que tipo de impressão você tem do seu oponente, Masaaki Noiri?
“Ele é um lutador muito forte. Ele tem socos e chutes fortes. Mas ainda estou me preparando para vencê-lo, então quero fazer uma boa luta e, finalmente, quero vencê-lo.”

–Masaaki Noiri é o adversário mais difícil de toda a sua carreira. Você está confiante na vitória?
“Claro que eu sei que ele é um lutador forte, mas estou me preparado para lutar no K-1 e com certeza vou aproveitar esta oportunidade para vencer.”

–Por último, envie uma mensagem para todos os seus fãs, por favor.
“É meu sonho lutar no K-1. É por isso que vim do Brasil para o Japão. Quero bater esse sentimento e vencer Masaaki Noiri.”

 

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 23/10/2020

Vitor Toffanelli é especialista em chutes desenvolvidos no Karatê. ( Cortesia | Créditos : AP Vitor Toffanelli | ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) M-1 Mídia Esportiva | Divulgação ).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui