O ‘pôster’ de divulgação do “BOM-The Battle Of MuayThai”, que será realizado em 4 de outubro, no Eiwa Sports Gym, em Yokohama. ( Cortesia | Créditos : BOM Promotion Co. Ltd. | Eiwa Sports Gym | Divulgação ).

Aqui vai uma excelente opção de entretenimento para os japoneses fãs de artes marciais neste final de semana. Que tal assistir a um evento de lutas pela internet durante o seu tempo em casa ?

O show de lutas denominado ‘BOM’ – que é uma abreviatura de “The Battle Of MuayThai” e cuja tradução literal significa ‘Batalha de Muay Thai’ – foi criado em 2013 e, de lá para cá, já realizou 13 edições.

O próximo ‘card’ batizado de “BOM-The Battle Of MuayThai-BOM WAVE02 – Get Over The COVID-19” será realizado no dia 4 de outubro de 2020 ( Domingo ). Esse será o quarto torneio realizado este ano e vem na sequência do “BOM WAVE01” realizado em 28 de junho.

O ‘BOM’ é uma excelente pedida para o público japonês prestigiar lutas de Muay Thai, com o uso de cotovelos e joelhos válidos na regra. O intuito da franquia é “que todos vejam as belas e ferozes batalhas dos guerreiros Muay Thai” e “espalhar o Muay Thai, esporte nacional do Reino da Tailândia por todo o Japão”, de acordo com Natsuo Nakagawa, Diretor Representante do BOM Promotion Co. Ltd. e da Eiwa Sports Gym.

Os shows promovidos pela empresa são sancionados pelo WMC JAPAN, que é o ramo japonês do WMC – World Muaythai Council. Este último é uma organização histórica e credenciada pelo governo tailandês e pelas autoridades esportivas da Tailândia.

O show do próximo domingo terá lugar na Eiwa Sports Gym, em Yokohama. As lutas contarão com transmissão pelo Canal oficial do ‘BOM’ no YouTube, com início previsto às 18:00hs do horário local.

Três lutadores japoneses que também já competiram na Tailândia, a casa do MuayThai, estarão em ação nesse ‘card’.

Destaque para Yoshinari Nadaka, que já foi campeão do Rajadamnan e se tornou o sétimo campeão japonês daquele famoso estádio em Bangkok. Ao mesmo tempo, ele se tornou o primeiro campeão japonês do Lumpini e o segundo lutador estrangeiro ( não tailandês ) na história à manter os títulos do Lumpini e Rajadamnan, os dois principais estádios do MuayThai.

Nadaka vem de vitória no RIZIN 22, em 9 de agosto deste ano.

Seu adversário no ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) do “BOM-The Battle Of MuayThai-BOM WAVE02” será o também japonês Hidetora Abe.

Abe, cujo nome é famoso no ‘BOM’, mantêm um ‘recorde’ de 5 vitórias e 8 derrotas, mas 4 de suas 5 vitórias vieram por “KO”. Seu currículo foi construído em eventos do porte do RISE e do próprio ‘BOM’, entre outros.

Inicialmente, a luta seria realizada na categoria de 50kg, mas a pedido de Abe, será disputada até 49kg.

Já no ‘main event’ ( ou “evento principal” ) teremos Ryunosuke Wor. Wanchai, o lutador japonês mais ativo na Tailândia atualmente e que vem de vitória no DUEL 18, show realizado no mês de maio do ano passado.

Seu adversário será Ryuya Okuwaki, tri-campeão do Rajadamnan e que mantêm os títulos de campeão mundial válidos pelos WPMF e IBF.

Muitos dos fãs japoneses alegam que os lutadores nipônicos que conquistaram títulos no Lumpini e no Rajadamnan eram principalmente do estilo ‘Kickboxing’, que é uma fusão do MuayThai com o tradicional Karatê japonês. No entanto, os fãs não tem mais do que reclamar, pois os lutadores escalados para este ‘card’ absorveram a técnica do autêntico MuayThai e têm competindo com atletas tailandeses desde a sua infância no esporte.

P.S.: O tempo estimado para o início das lutas principais pode ser diferente do tempo real devido ao progresso do torneio e às mudanças no ‘card’, portanto, use-o apenas como referência.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 03/10/2020

Três lutadores japoneses que também competem atualmente na Tailândia estará em ação nesse ‘card’. ( Cortesia | Créditos : BOM Promotion Co. Ltd. | Eiwa Sports Gym | Divulgação ).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui